Pantera ruma a Cabo Verde

Após o sucesso de PANTERA em Portugal, a ACCCA ruma agora a Cabo Verde, país que viu nascer Orlando Pantera e que aguarda com grande expectativa a receção do espetáculo. PANTERA teve uma circulação nacional passando por 9 espaços de apresentação de norte a sul de Portugal, obtendo excelente recetividade de público, crítica e promotores.

A nova criação de Clara Andermatt e João Lucas, que inclui a participação especial de Mayra Andrade, será apresentada no Auditório Nacional Jorge Barbosa, na Cidade da Praia, nos dias 28 e 29 de outubro de 2022, pelas 20:30. Posteriormente seguirá para a Ilha de São Vicente para fazer a abertura do Festival Mindelact, nos dias 4 e 5 de novembro de 2022, pelas 21:30. 

Esta digressão contará ainda com uma primeira apresentação do documentário Making Of Pantera, da autoria de Catarina Alves Costa, numa versão de trabalho em progresso. Este filme segue o processo criativo que deu origem ao espetáculo Pantera, acompanhando as audições, as residências artísticas, os ensaios e os bastidores. Na Praia, a exibição acontecerá no Palácio da Cultura Ildo Lobo, no dia 30 de outubro, pelas 19:00. No Mindelo será apresentado na Sala José Afonso, do Centro Cultural Português, pelas 16:30. No final das sessões haverá uma conversa com o público.

A digressão de PANTERA a Cabo Verde conta com a parceria da República Portuguesa - Ministério da Cultura / Direção-Geral das Artes, do Ministério da Cultura e Indústrias Criativas de Cabo Verde, do Instituto Camões - Centro Cultural Português e com o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian e da Fundação Orlando Pantera.

 

Fotografias de Pedro Mostardinha / 23 Milhas